Centro Artesanal de Cusco e suas belíssimas pinturas místicas!

Para quem gosta de visitar feiras e mercados de artesanato, não vai se decepcionar em Cusco, pois só na área central, existem vários, sem contar as lojinhas. Nas áreas mais afastadas, onde ficam os lugarejos próximos aos sítios arqueológicos também têm venda de artesanato, mas atenção, nestes locais os preços costuma ser mais elevados.

No finalzinho da Avenida El Sol, na junção com a Calle Tullumayo, bem em frente à Fonte La Pacha, está localizado o Centro Artesanal de Cusco, que é principal e o maior de todos.

Centro Artesanal de Cusco e a Fonte La Pacha

O Centro Artesanal de Cusco é um mercado coberto, que ocupa praticamente um quarteirão e é lotado de pequenas barracas que vendem um pouco de tudo, como camisetas,sapatos, bolsas, pinturas, mantas, gorros, objetos de decoração, bijuterias e jóias em prata.

Tem muitas roupas lã de alpaca, que são ótimas para usar regiões de frio intenso.


Eu também vi muito produtinho chinês "tipo artesanato cusquenho", mas isso tem em todo lugar: já comprei souvenir chinês da Torrei Eiffel, em Paris, e da Estátua da Liberdade, em Nova York.

Eu adorei esta camiseta azul e comprei, pois a malha é muito boa. 


As joias eram todas feitas lá mesmo, em prata e com elementos peruanos. O valor era calculado conforme o peso da peça.

Objetos decorativos, como lhamas em madeira e  peças de cristal e prata.


Os preços variavam muito, conforme o peso e o trabalho de cada peça. Mas os brincos custavam em torno de 60 a 80 soles e os colares, a partir de 150 soles até 500 soles ou mais (cada Sol valia R$ 0,97).

E os anéis? Um mais lindo do que o outro!

Pulseiras em prata com pedras peruanas.

Achei lindo este conjunto colar e brinco, bem exótico!


Em uma das pracinhas, dentro do Centro de Artesanato, tem um pequeno espaço religioso. Em frente a este espaço, bancos para descanso e uso do wifi.


Os cusquenhos reverenciam muito as crenças de seus antepassados incas, mas também são católicos muito devotos. Imagino que seja por influência espanhola, e eles têm altares e imagens de Cristo e de santos católicos em quase todo lugar.


O que me impressionou mesmo foram as pinturas nas paredes. Acima, a Trilogia Inca "La Pacha", da serpente, o puma e o condor (farei um post especial sobre isso).

Os Incas e a Trilogia La Pacha, juntamente com o cultivo do milho.

Não sei o que representa esta pintura, mas deve ser algum ritual inca.


Esta pintura deve retratar um ritual ou agradecimento envolvendo folhas de coca e a água.


O milho e a batata são os principais alimentos cultivados em Cusco e estão sempre presentes em pinturas ou imagens.

Cusquenhos confeccionando objetos em cerâmica!

No Centro Artesanal de Cusco, os preços são menores do que em outros centros e mercados de artesanato, mesmo assim, negocie sempre, nunca pague o primeiro valor informado, pois os cusquenhos já aumentam quando percebem que você é um turista (o tipo físico não engana).

Partindo da Plaza de Armas e descendo a Avenida El Sol, em direção ao Centro Artesanal, encontrei outros dois mercados de artesanato, que vendem quase as mesmas coisas, porém, são bem menores (fotos abaixo):

Feira Artesanal de Productores Qoricancha

Mercado Artesanal de Productores Inti Padarek

Não vou colocar as fotos internas destes dois centros de artesanato porque são praticamente as mesmas do centro de Artesanato. Os preços são praticamente os mesmos, porém, têm menos opções.

Não fiz muitas compras, apenas algumas camisetas, um gorro típico e dois brincos de prata. Já mostrei no post sobre Comprinhas do Peru (link aqui).

Você gosta de visitar feiras ou mercados de artesanato? Costuma comprar alguma coisa ou gosta mesmo só de olhar?

Beijos,
Ana Maria
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários :

  1. Achei o post muito legal, obrigada! Estou planejando ir pra lá em 2018.
    Quanto vc acha que eu devo levar de dinheiro pra passar 3 dias lá e conhecer Machu Picchu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bianca, muito obrigada.
      Cusco é uma cidade encantadora, vc vai adorar e Machu Picchu é lindo demais, inclusive a viagem de trem de Cusco até lá. Eu me apaixonei pelo Peru, principalmente por Cusco.
      Sobre os gastos, tudo depende dá época que vc for, da cotação do dólar, quais os passeios, enfim, é bem relativo. Mas para vc ter uma idéia, eu fiquei 5 dias em Cusco e 3 dias em Lima e gastei uma média de 5 mil reais, incluso passagem aérea Porto Alegre x Lima x Cusco (ida e volta), hoteis em Cusco e Lima, passagem de trem de Cusco até Águas Calientes, entrada Machu Picchu, city tour em Cusco e Lima, alimentação, táxis, etc.
      Os preços são bem acessíveis em Cusco, só Lima que tudo era mais caro.
      Espero ter ajudado.
      Beijos,
      Ana

      Excluir


Obrigada por comentar! É bom demais receber o retorno dos leitores.
Responderei o mais breve possível, então lembre-se de voltar aqui depois para ler a sua resposta.

*Você pode também marcar "Notifique-me", para ser avisado por e-mail quando o seu comentário for respondido.