É realmente perigoso para uma mulher viajar sozinha pela Índia?

Algumas das coisas que eu mais ouvi antes de viajar para a Índia foi: você é louca? A Índia é perigosa, eles não respeitam as mulheres, têm muitos estupros, etc, etc...

Eu decidi e planejei viajar para a Índia com apenas um mês de antecedência e só divulguei a viagem poucos dias antes e para poucos amigos, então nem deu muito tempo para ficarem me "alertando" sobre os perigos da Índia. 

Aeroporto Internacional Indira Gandhi, em New Delhi.

Quando eu voltei, continuaram os avisos: mulher sozinha na Índia não é bem vista, etc, etc...

Mas será isso tudo mesmo? 

Então, de uma vez por todas, eu vou contar como foi a minha relação com a Índia nesta viagem solo.  

Old Manali - Estado de Himachal Pradesh - Índia

Não foram muitas, mas eu vi várias mulheres viajando sozinhas. Encontrei em trens, em pontos turísticos e até em alguns hotéis como em Rishikesh e Manali.

A Índia é realmente perigosa para mulheres que viajam sozinhas?
Então, esta resposta é relativa, pois vai depender muito mais de você do que dos indianos. É preciso um pouco de conhecimento da cultura deles para poder entender e se posicionar de acordo como eles vivem e não como você vive no seu país.

Delhi, próximo ao India Gate.

Primeira dica, muito importante: usar vestimenta adequada!
Mesmo no calorão de mais de 40, quase beirando os 50 graus, do verão em Delhi, evite usar uma regata muito decotada ou um shortinho! Certamente você vai atrair todo tipo de atenção, principalmente as indesejadas!

Decotes, seja na frente ou nas costas e pernas de fora não são bem vistos pelos indianos. As mulheres indianas andam cobertas da cabeça aos pés, apenas as hindus, que usam o saree, mostram parte da barriga, mas para eles isso é normal.

Tudo o que foge do usual na Índia, vai chamar a atenção e não necessariamente para o bem. Na cultura deles, mulher que expõe o seu corpo para qualquer um na rua, não está se dando o devido respeito, portanto, também não merece respeito. Não vá questionar, é cultural, é milenar! 

Use uma camiseta, um jeans ou uma calça leve, bermuda, saia ou vestido e pode até ser com o comprimento pouco acima dos joelhos. Eu usei saia e vestido em alguns lugares bem movimentados e não tive problemas. Só não pode entrar em mesquitas com parte das pernas à mostra.

Mulheres consumindo bebidas alcoólicas não são bem vistas!

Muito cuidado ao consumir bebida alcoólica em público, mesmo num verão de mais de 40ºC. É melhor esquecer a cervejinha gelada do happy hour e pedir um "iced coffee"! Ou escolher a dedo o local onde você vai consumir álcool.

Eu bebi cerveja em uma Disco, a Third Eye, em Delhi. Era um ambiente fechado e bem reservado, com muitos seguranças em volta, que ficavam de olho em qualquer excesso por parte de algum bebum. 


Andando de charrete em Agra.

Dica extra: leve sempre um lenço ou echarpe com você, pois para entrar na maioria dos templos e em todas as mesquitas, é necessário cobrir a cabeça com um lenço ou véu.
 
Em frente ao Red Fort, em Delhi

Este casal me achou muito exótica e pediu para tirar uma foto comigo! Como você pode ver, a mulher se abraçou em mim, mas o homem apenas se posicionou ao meu lado.

Saídas durante o dia: são tranquilas, mas evite ruas e lugares desertos. Nos pontos turísticos sempre tem muita gente e não existe problema algum. Casos de assaltos são raros na Índia, mas é bom não facilitar.

 Delhi à noite

Saídas noturnas: evite andar sozinha pelas ruas à noite. Isso vale para quase todo lugar no mundo! Eu saí várias noites, mas sempre acompanhada pelo guia.

Praça com a bandeira da India, em Connaugth Place. 

Este bairro (Connaugth Place) é até bem tranquilo para sair à noite e muito movimentado. Mas claro, deve-se evitar ruas desertas. E isso serve também para saídas durante o dia. Nem no Brasil andamos em ruas desertas...

Simpatia em excesso: seja educada, mas firme e não saia distribuindo sorrisos por aí. Se você ficar olhando muito para os homens pelas ruas,  eles chegam mesmo, porque um olhar mais demorado ou um sorriso mais aberto significam um sim! Não critique, como eu disse, é cultural! A não ser que você não se incomode com isso.

Gostei tanto dos tuk tuk que até comprei uma miniatura de lembrança.

Como se locomover em Delhi: eu andei muito de tuk tuk, mas sempre acompanhada do guia. Peguei todo tipo de motorista, simpático, cara de poucos amigos, jovem, velho, etc. 


Um dos motoristas era tão culto que, ao saber que eu era brasileira, cantou Aquarela do Brasil pra mim. Mas teve outros eu não sei se confiaria andar sozinha, então o melhor é usar o metrô, é bem mais seguro.


Mais uma dica especial:  chamar um táxi do seu hotel. Eles anotam a placa e o nome do motorista. Eu achei isto ótimo e super seguro. Se você pegar um tuk tuk na frente do hotel, também pode pedir para anotarem a placa e nome do motorista. Os tuk tuk são bem mais baratos do que os táxis normais, que também não são caros.

Metrô Card usado em Delhi

Metrô: em Delhi o metrô é bem tranquilo, inclusive existem vagões só para mulheres.


Aqui a "madám" (como o motorista me chamava) indo às compras, hehe...

Motorista particular: em Delhi eu contratei um guia com carro apenas para os dias em que eu queria ir às compras. Foi muito mais rápido e prático, já que Delhi é uma cidade muito grande e os lugares que eu queria ir ficavam bem distantes uns dos outros.

 
 New Manali, em Himachal Pradesh. Super tranquilo circular sozinha pelo centro!

Como se locomover em cidades menores: a pé ou contratar um guia com carro!  Pode ser feito em alguma agência ou no próprio hotel. 

Todos os passeios que eu fiz em Srinagar, na Caxemira e o Camel Safari, em Jaseilmer, eu contratei nos hotéis em que eu estava hospedada. Se foi mais caro eu não sei, mas com certeza foi mais seguro. Recomendo o que deu certo comigo!

Me refugiando do frio na camionete 4x4 que eu contratei no hotel para ir à uma das montanhas nevadas da Caxemira, a Zero Point.
 
Sobrevoando Delhi, rumo a Srinagar, na Cashemira

Como se locomover pela Índia!

Eu fui de avião de Delhi para Srinagar, mas os outros trajetos, onde tinha trem, fui de trem. Em Rishikesh, aos pés do Himalaia (post aqui) e Manali, quase na divisa com o Tibet, o acesso era só via ônibus ou carro. Fui de ônibus até estas cidades e explorei cada cantinho a pé mesmo, já que eram cidades bem pequenas.

Trens: comprar bilhetes direto nas estações é muito confuso. É preciso primeiro fazer uma reserva e depois comprá-los. Então, se você puder comprar em uma agência de viagens (quase todos os hotéis tem um balcão de agência no hall), será bem mais prático e evitará  contratempos.

 
Estação de trem, mas não lembro a cidade, talvez seja em Agra. 

Por medidas de segurança, é proibido fotografar em estações e dentro de trens, metrôs, etc. A foto acima foi tirada rapidamente, apenas para registrar o local.


Delhi

Conclusão: com os devidos cuidados que eu citei acima, você pode viajar sozinha pela Índia, mas se puder contratar um guia para lhe acompanhar, vai facilitar muito a sua vida. Com isso você evitará algum possível stress ou aborrecimento...

Fora essa diferença cultural, a Índia é muito segura, como eu citei mais acima, assaltos são raros e violência contra turistas também, principalmente no sul do país.

Visitei apenas o norte da Índia, mas pelo que já soube a respeito, dizem que o sul é muito mais tranquilo e "seguro" em relação às diferenças culturais. Isso não significa "liberou geral", mas que os turistas não despertam tanta curiosidade quanto no norte. 


O único lugar que eu diria para você ter bastante cautela se for sozinha, é a região da Caxemira. É uma região de conflito com o Paquistão e mulheres sozinhas por lá são raras. 

Última dica: se você quer muito conhecer a Índia, mas não tem muita experiência em viagens, principalmente sozinha, não faça sua estreia justamente com a Índia, pois as coisas lá funcionam de um jeito muito peculiar. Neste caso, procure uma agência que organize tudo para você, de preferência, compre um pacote turístico, assim você não perde tempo e evita aborrecimentos. Você vai conhecer muitas outras pessoas que também estão sozinhas nesta aventura e compartilhar experiências inesquecíveis!


Se você tiver mais alguma dúvida em relação à viajar sozinha pela Índia, deixe aqui nos comentários!

Beijos,
Ana Maria

*Complemento: todos os guias contratados eram indianos e falavam inglês e hindi.
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

81 comentários :

  1. Ameiiiii tudo isso ,prabéns amiga pela sua coragem!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns pelo relato das experiências! Fico muito feliz em constatar que estás te realizando plenamente em Novos e Instigantes Caminhos... Abraço Fraterno com muita admiração. Deus te abençoe e ilumine sempre, para voos cada vez mais elevados. P.S. Quem sabe uma "Expedição"- por todo o nosso imenso litoral não seria algo maravilhoso para relatar em um futuro próximo... Saudações, Luiz Roberto

      Excluir
    2. Muito obrigada Luiz Roberto!
      Pois é, a vida é feita de escolhas e estamos sempre em busca do melhor caminho. A dica da "Expedição" pelo nosso imenso litoral é uma ótima ideia, fica anotada!
      Abraços

      Excluir
  2. Ana, qual foi a grande motivação sua pra conhecer a Índia? O que sempre me motiva a conhecer um país é quando eu penso que gostaria de lá viver. O guia se comunicava em Ingles? ou tem algum falando Portugues? Outro dia li que na Russia tem guia falando em Português. Qual será a próxima viagem Ana? já escolheu?? Obrigada por compartilhar, muito legal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Wilma, a tua pergunta é bem interessante. Eu te diria que o que me motiva a conhecer um país é a oportunidade que se apresenta.
      Quando eu fui para Nova York no final de 2011, foi uma amiga que me ofereceu a viagem, pois ela precisava comprar um equipamento fotográfico, não tinha o visto americano e nem sabia falar inglês. Topei e em menos de um mês eu pisava em Nova York. Estendi mais alguns dias por minha conta e na volta desta viagem foi que surgiu este blog, pois eu sempre viajei muito e todo mundo me pedia dicas.
      No ano passado eu estava enfrentando uma situação pessoal muito complicada e uma das minhas irmãs me convidou para irmos à Espanha e eu topei na hora. Assim os preparativos para a viagem iriam ocupar a minha mente e o meu tempo. Em um mês estávamos desembarcando em Madrid. Foi uma viagem maravilhosa, que injetou ânimo na minha vida.
      Este ano eu estava olhando preços de passagens sem muita pretensão, como sempre eu faço, quando me deparei com uma promoção da Emirates. Um bilhete para a India estava o mesmo preço que eu paguei a minha passagem para a Espanha no ano passado. Não deu outra, corri com o pedido de visto, que chegou de volta em cerca de 3 dias, fiz a vacina obrigatória e outras recomendadas e comprei a minha passagem 23 dias antes de viajar. Foi muita loucura, nem deu tempo para eu ficar nervosa.
      Foi a viagem mais incrível da minha vida!
      Claro, os dias entre o bilhete emitido e a data da viagem são sempre de planejamento e informação. Sempre viajo com Plano B na manga.
      Sobre os guias na India, todos falavam inglês, não encontrei nenhum que falava espanhol ou português. Deve ter, mas eu não me preocupei muito com isso.
      Não sou fluente em inglês, mas sei o suficiente para m,e comunicar. Embora o inglês falado na India seja muito diferente do inglês americano ou britânico. Foi bem complicado no inicio, mas depois eu peguei as manhas.
      Quanto à próxima viagem, estou esperando a oportunidade se apresentar!
      Beijos

      Excluir
    2. Oi Ana,bacana que as oportunidades se apresentam,eu agora inspirada numa blogueira de viagem, com quem muito aprendi e aprendo,a DriEverywhere,vc deve conhecer, me prometi ir onde o preço da passagem fosse mais atraente, porque agora com a moeda nas nuvens, assim será. Suas fotos ficaram muito legais, nem parece que estava tão quente por lá,rsrsrs e aquele casal que fotografou com você o rapaz tem um rosto lindo, típico indiano, lembram alguns brasileiros lá dos Maranhões do Brasil....Depois vou procurar seu post de NYork, queria tanto que acabasse com o visto mas perdi a esperança, vou ter que tirar, inclusive pro Canadá, quem sabe, eu ganhe na Lotofácil,rsrsrs

      Excluir
    3. Oi Wilma, é bem isso, quero conhecer o mundo, então, as oportunidades que surgirem, vou abraçando.
      Conheço o blog Dr Everywhere sim, é excelente!
      Em Delhi estava terrivelmente quente, mas eu estava tão fascinada por tudo que aguentei firme.
      O pessoal tem um a beleza bem diferente, achei as mulheres belíssimas, sempre bem arrumadas e coloridas.
      Os posts de Nova York foram os primeiros do blog, eu estava totalmente verde, nem vou lá reler senão fico com vergonha de mim mesma, hehehe...
      Sobre os preços das viagens, é, agora com o dólar tão alto vamos ter que mudar nosso comportamento e mais do que nunca, ir em busca da melhor oportunidade!
      Beijocas

      Excluir
  3. Estou adorando os posts sobre a India!!Seu blog eh otimo! Um abraco e sucesso!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana, que ótimo, obrigada pelo retorno!
      Beijos

      Excluir
  4. Ana .. que ótimo post! Juro que nem percebi que vc estava sozinha uauauahauh
    E confesso que não conseguiria ir sozinha.. sou um tanto medrosa para isso! Se fosse morar lá e aí conhecer o lugar ok.. mas só turistar tenho coragem não !!
    Beijocas
    Blog | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari querida, obrigada!
      Pois é, muita gente não sabia que eu tinha ido sozinha para a India, mas eu concordo que para fazer isso, é preciso ter experiência em viagens, pois é tudo muito diferente. Não foi a minha primeira viagem internacional sozinha, a primeira foi Nova York, há 4 anos, mas mesmo assim, a diferença foi grande. Mas eu adoro desafios e tirei de letra, hehe..
      Beijocas

      Excluir
  5. Nossa, fiquei encantada. Viajei com vc! Um dia eu irei.. vc é muito bonita! Obrigada pelas dicas! Namasté :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Áurea, te agradeço em dose dupla: pelo elogio ao post e à mim. Continue me visitando porque ainda tem lugares belíssimos para eu mostrar sobre a India!
      Namastê!

      Excluir
  6. Muito legal o seu ponto de vista, eu realmente tenho um certo receio em viajar para a India justamente pela condição de mulher. Como você também disse, acho que temos que tomar algumas precauções para evitar dores de cabeça (ou coisa pior!).
    O que eu li é que a India se tornou assim "fechada" para a sexualidade apos 6 séculos de dominação muçulmana e recentemente ainda 2 séculos sob o controle da Inglaterra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi MIlena,
      A India requer alguns cuidados especiais, mas vale à pena, é um país encantador, mesmo com tantos contrastes. E para você, que costuma viajar com o teu marido, é mais tranquilo.
      Pois é, o país que inventou o Kama Sutra hoje é bem moralista e não é fácil mudar a mentalidade de um povo de uma hora para a outra. Como você disse, foram séculos de domínio muçulmano (ainda muito presente na India) e mais a colonização inglesa que acabou em 1947, então a India ainda está se "descobrindo"!
      Beijos

      Excluir
  7. Sou mulher, tenho 22 anos e vou para a India sozinha daqui a três semanas, porém, não consigo achar um guia ou alguma excursão barata pela internet, por isso estou pensando em fazer tudo por conta própria, apesar do medo que me dá. Você conhece alguma excursão ou algum guia mais em conta? Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Você não disse se vai viajar pelo Norte ou pelo Sul da India, mas pelo que eu sei, no Sul existem muito mais turistas e pelo que eu ouvi dizer, é bem mais tranquilo para quem viaja sozinho. Eu só viajei pelo Norte, mas não tive problemas, porém, eu me cuidei bastante.

      Sobre os guias e passeios, eu tinha em mente o que eu queria e contratava tudo nos hotéis onde eu ficava. Não sei se era mais barato ou não, mas achei muito mais seguro.

      Qualquer outra dúvida, é só perguntar.

      Beijos

      Excluir
  8. Hello ana thanks for well written post about your indian experiences! You observed india and your words expressed your thoughts .. India is unique country .. And i hope you will come again soon !!

    Kapeesh gaur
    From Delhi, India

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hi Kapeesh,
      I loved India and agree with you: it's a unique country and I hope also to visit again soon.
      Thanks for read and comments here!
      Best regards!
      Ana

      Excluir
  9. Mto legal essa sua dica do guia!
    Qual era o valor diário? Como os contratou? Ele paravam o dia todo com você? Me ajude!rsrsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Susan!
      Pois é, com guia eu me sentia mais segura. Mas encontrei algumas mulheres viajando totalmente sozinhas.
      Por exemplo, uma francesa que eu encontrei em Manali, disse que estava sendo tudo bem tranquilo, já uma russa que eu conheci em Delhi me falou que teve stress, mas nada grave, só assédios mesmo.
      Os guias eu contratava ou pegava indicação nos hotéis, achei mais seguro. Alguns trabalhavam como guia motorizados e outros eram a "pezito" mesmo. Teve lugares que, além do guia que me levou até determinado lugar, lá tive que contratar um guia da região.
      Por exemplo, em Kashmir o hotel tinha um guia com carro à minha disposição, mas quando fui para as montanhas, lá tive que contratar outro.
      Os valores variavam muito, de acordo com a cidade e o tipo de guia, se era a pé ou de carro, quanto tempo cada um, enfim, por isso não lembro os valores (e já faz quase um ano), mas não era nenhum absurdo. E sempre é bom chorar para baixarem o valor. Eles baixam. Beijos

      Excluir
  10. Ahhh... Mto obrigada por compartilhar a sua coragem e me encorajar tbm! Rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço o contato.
      Qualquer outra dúvida, é só perguntar.
      Beijos

      Excluir
  11. Olá, meus pais são de Santa Cruz do Sul, mas moramos no Paraná. Gostaríamos de saber qual o valor diário gasto em Dólar/Euro na viagem para Índia? Agradecemos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah meu email é joice.rusch@hotmail.com
      Meu nome é Joice Rusch!!

      Excluir
    2. Oi Joice,
      Esta é uma pergunta muito ampla, pois depende dos hoteis, passeios e cidades que voces pretendem conhecer, pois o custo varia bastante.
      Ainda estou na India,volto ao Brasil final de maio e vou tentar fazer um post com as principais informações sobre custos aqui na India, ok? Pelo menos é possível ter uma ideia e se planejar.
      Abraços,
      Ana

      Excluir
    3. ola ana, me chamo milton rusch e minha esposa fatima agradecemos pela atençao tua vamos precisar da sua atençao algumas vezes que de ja agradecemos somos pais da joice. gostamos de viajar estaremos na repl. tcheca e na hungria 09.05.2016 a 24 05.2016 algo estaremos a disposiçao abracos

      Excluir
    4. Olá Milton, que ótimo que vocês gostam de viajar, é enriquecedor!
      No que eu puder ajudar, contem comigo.Tenham uma excelente viagem. Eu ainda não conheço a Rep. Tcheca e a Hungia, mas minha irmã sim. Pelo que ela me contou, são países belíssimos.
      Abraços

      Excluir
  12. Olá, Ana!
    Temos muitas dúvidas, entre elas, é o nosso chimarrão, como faço para levar? Pode ser colocado na mala despachada? Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Eu imagino que o chimarrão poder ser classificado como chá e se for uma embalagem fechada e despachada na mala não tenha problemas. Se for aquelas à vácuo, melhor ainda, pois ocupam menos espaco. Só não leve na bagagem de mão, porque eles verificam tudo e talvez vc não poderá entrar.
      Mas não leve nada de carne (enlatada, charque, etc) nem na bagagem, pois aí vc poderá ter problemas.
      Beijos

      Excluir
  13. ola, ana estamos lhe agradecendo desejando a voce tudo de bom Beijos milton e fatima rusch

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Milton e Fátima Rusch, muito origada pelo carinho e desejo o mesmo pra vocês Beijos, Ana

      Excluir
  14. Olá, tudo bem, Ana?!
    Minha maior dúvida era em relação aos guias mesmo. Sonho com a índia, aliás, com o mundo! rsrs.
    Contratou os guias com pacotes ainda no Brasil?
    Se sentiu segura sozinha?
    Tenho amigos que amam viajar, mas não topam a Índia, mas eu não quero abrir mão deste lugar que eu acho tão admirável

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paloma, comigo tudo ótimo e com vc?
      Então somos duas a sonhar com o mundo, hehe...
      Eu estou novamente viajando pela India e sozinha,quer dizer,a maior parte com guias, contratados aqui mesmo. Não é bem por medo, pois tomando os cuidados básicos e respeitando a cultura deles, dificilmente será perigoso. Te garanto que a India é mais segura que o Brasil. O maior problema é como as coisas funcionam por aqui e um guia facilita tudo.
      Assim que eu voltar vou postar maus informações e vídeos, pois estou tendo problemas com a internet por aqui. Se vc tiver mais dúvidas, é só deixar nos comentários que eu vou responder ou diretamente, ou em post.
      Não abra mao do seu sonho de visitar a India, mas esteja preparada para imprevistos, hehe...
      Beijos

      Excluir
  15. Oi Ana, maravilhoso o seu blog. esta viajando novamente pela India?
    Gostaria de saber em media quanto fica viajar pela India em média 15 dias? Pode me ajudar?
    um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, muito obrigada,fico feliz com o seu feedback. Sim, passei 2 meses na India e no momento estou em Nova York. Está bem corrido por aqui, mas assim que eu voltar para o Brasil, vou tentar respobder às tuas dúvidas. Talvez eu faça um post ou um video e se ainda ficar dúvidas, te respondo diretamente, tá?
      Beijos,
      Ana

      Excluir
  16. oi ana retornamos darepl. tcheca e hungria ficamos maravilhados com que vimos e com quem tivemos contato . faz com que mais incentivados ficamos a continuar viajando beijos fatima e milton rusch

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fatima e Milton, fiquei muito feliz por vocês, por terem feito uma viagem maravilhosa e também também por virem aqui me contar. Viajar é uma das experiências mais enriquecedoras que existe.
      Um grande abraço, viajantes!

      Excluir
  17. Oi!! Me chamo Elaide sou do Rio de Janeiro,estou gostando muito de um rapaz de Mohali,estamos conversando bastante,mas tenho ouvido falar horrores de lá,é verdade que eles estupram mulheres,se for lá para conhecer a família dele sozinha é perigoso?Ele é estudante de direito tira foto dos amigos e nunca vi uma foto de uma amiga ou colega de seu lado,e não tem professoras somente professores,que estranho né?Poderia me dar detalhes ,por favor
    !!Obrigada Meu e-mail elaidemachado@hotmail.com
    meu face:ELAIDE MACHADO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elaide,
      Todo cuidado é pouco com relacionamentos via internet, interculturais ou não, pois não se sabe de verdade quem está do outro lado.
      Mas vou tentar te esclarecer algumas coisas.
      Estupram mulheres na India assim como estupram no Brasil, a diferença é que a India tem 1 bilhão de pessoas há mais quer o Brasil e o índice é maior, mas eu ter garanto, é um país muito mais seguro do que o Brasil, pois os assaltos são saros. Roubo de carteiras tem, se vc marcar bobeira, mas assalto com violência é muito raro.
      Vamos á outra parte: não há nada de estranho com o seu namorado virtual em não ter fotos com "amigas" e professoras. Ainda existe muito o estudo separado, seja em salas ou em escolas, com meninos e meninas. Professoras ensinam meninas e professores ensinam meninos. É super normal isso lá.
      Outra coisa, os indianos não são muito de "amigas". Eles têm muitos amigos. As meninas são conhecidas e não saem tirando fotos com eles para não ficarem com fama de vulgares. Eles não costumam namorar, eles se comprometem direto.
      Sugiro que você pesquise bastante sobre a India e a cultura deles para evitar atritos. Nem tudo o que é permitido aqui, é certo por lá. É a cultura deles, é milenar, não cabe a nós julgar se é certo ou errado, mas precisamos conhecer mais sobre o assunto se quisermos entendê-la.
      Espero ter ajudado.
      Beijos

      Excluir
  18. pos é exatamente pra kashmira que gostaria de ir...pos tenho um amor que mora nesta cidade...mais tenho medo de ir e me perde...ai que medo...não sou fluente em english...não tenho nem ideia como chegar nesta cidade...fale um pouco do visto para índia...obgada bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Não aconselho vc a viajar sozinha para a Caxemira (Kashmir) se vc não sabe inglês ou não tem experiências em viajar sozinha. Indico também que você procure se informar bastante como são os costumes da região onde vc pretende ir.
      Sobre o visto para a India, já publiquei aqui no blog um passo a passo. Procure pela caixa de pesquisa, é mais fácil. Beijos

      Excluir
  19. Ana,estamos planejando para irmos a NOVA DELI em maio 2017, preciso saber se tu podes nos passar algumas dicas, principalmente em relaçao dos guias, locomoçao na INDIA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Locomoção é muito fácil em Nova Delhi, tem metrô, táxi, tuk, tuks, o difícil é se entender com os indianos, hehehe.... Os guias eu contratava nos hotéis mesmo porque não tinha referências de confiança. Mas depois que eu voltei, eu conheci uma moça aqui no Brasil que tem uma agencia de viagens em Curitiba em parceria com uma Operadora de Turismo em Delhi, que trabalha com o mercado brasileiro. Ela é bem confiável, já indiquei para outras leitoras e elas gostaram muito. Mesmo que vc não compre a passagem e reserve os hotéis com ela, acredito que ela pode te indicar guias por lá. Me avise se vc prefere que eu te passe o contato dela ou que ela te procure. Aqui no blog eu tenho vários posts com dicas do que fazer e o que visitar em Delhi.
      Abraços,
      Ana

      Excluir
    2. Me desculpe, ontem me esqueci citar meu nome e da Fatima , coisas do cansaço....Sim se puderes podes me passar o contato, ficarei muito grato.. Breve iremos para Santa Cruz do Sul, se permitires iremos marcar um encontro para instruir-nos melhor..Agradecemos a sua bondade... BRAÇOS.... FATIMA E MILTON RUSCH

      Excluir
    3. Oi Milton e Fátima, lembro de vocês, o casal que adora viajar e já comentaram por aqui antes!
      Bom o nome da agência é Via India e o nome da moça é Julia Perri. Ela é super atenciosa, pode mencionar que vocês são indicação minha (até vou avisar que vcs entrarão em contato), pois como eu disse, já indiquei outras leitoras, que ficaram muito satisfeitas com o atendimento dela. Uma delas, inclusive já viaja agora em dezembro, com a Via India. O email da Julia é: viaindia@viaindia.com.br. O fone: (41) 3154-6647 / (41) 9883-6647, este é celular e whatsapp.
      Vcs podem solicitar roteiro completo, só partes, só guias, só hotéis, enfim, o que vocês precisarem que a Julia faz um orçamento para vocês.
      Nossa, será um prazer encontrar vocês pessoalmente! No que eu puder ajudar com informações e dicas sobre a India, podem contar comigo.
      Abraços! Ana

      Excluir
    4. Ah, Milton e Fatima, só para completar, maio é um mês muito quente em Delhi. Junho é pior ainda, beira os 50 graus. Passei por isso no ano passado e neste ano fui um pouco mais cedo (março e abril). Mas se vocês só tiverem esta data, apenas se preparem para o calor. Mas é uma época que quase não chove, então nenhum passeio será prejudicado pela chuva. A boa é que Delhi é bastante arborizada, o que ameniza um pouco o calor. Abraços

      Excluir
    5. Voltei aqui porque quero falar com vocês sobre Santa Cruz do Sul. Caso não queriram deixar o email de vocês aqui na página, me enviei para faleconosco@viagenebeleza.com
      Abraços

      Excluir
    6. Ana , aqui vai o nosso email joice.rusch@hotmail.com, Milton e Fatima Rusch , Abraços...

      Excluir
    7. Obrigada pelo rápido retorno. Assim que eu tiver as informacoes que eu preciso, eu entrarei em contato pelo email. Abraços

      Excluir
  20. Ana, parabéns seu site está excelente e suas dicas são maravilhosas.
    Vou para Índia em outubro e não falei para ninguém justamente para evitar comentários do tipo "você é louca" e isso me desencorajar.
    Muito obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sueli, muito obrigada. Que bom que minhas informações estão sendo úteis para você.
      Sim, quanto menos pessoas você falar, melhor, conte apenas para as pessoas mais íntimas ou família direta e só. Os outros saberão quando você já estiver por lá, isso se você quiser. A maioria que fala mal não conhece e "ouviu" falar isso ou aquilo. E acabam jogando um balde de água fria na nossa animação. Ou conhecem, mas gostam do conforto da Europa. A India não é para todo mundo, só para as pessoas de mente muito aberta.
      Temos que ter certos cuidados em qualquer lugar do mundo, mas se a gente consegue sobreviver aqui no Brasil, qualquer outro lugar é fichinha.
      Se você tiver algum medo, na pior das hipóteses, tome os mesmos cuidados que tomaria ao sair pelas ruas no Brasil. A India é um país muito mais seguro, te garanto. Mesmo assim, te cuida, respeita a cultura, se veste adequadamente que não vai te acontecer nada de ruim e você viverá a experiência mais incrível da sua vida!

      A India é um país de contrastes sim, tem luxo e tem muito lixo, mas o povo é maravilhoso, ficam encantados com os turistas, tratam muito bem, querem tirar fotos.

      Vá de coração aberto, vivencie tudo de diferente que a India oferece. Você vai aprender muito e também vai agradecer a Deus por ter o privilégio de fazer uma viagem destas, pois mais de um bilhão de indianos jamais teriam condições de fazê-la (rota inversa, para o Brasil).
      Quando você voltar, por favor, comente aqui ou em qualquer outro post do blog o que você achou da viagem. Se quiser escrever um texto e mandar fotos, combine inbox comigo, vou adorar publicar a experiência de uma leitora. Mas caso queira apenas dizer se gostou ou não, também está ótimo.
      Beijos,
      Ana

      Excluir
  21. Ana,para comprar passagens de trem na India, posso comprar todos os trajetos numa agencia estabelecida no hotel, indedendente de serem varios trajetos.Quanto custa aproximadamente um guia por dia..MILTON E FATIMA RUSCH . ABRAÇOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Milton e Fátima!
      Você pode comprar as passagens de trens direto nas estações (peçam pelas cotas de estrangeiros, quase sempre têm vagas), mas se quiserem praticidade, como eu fiz, comprem em uma agência. Se o hotel tiver um postinho lá dentro, melhor ainda, senão peça indicação de uma. Eu sempre prefiro fazer assim, é mais confiável. Sim, a agência pode emitir passagens para qualquer trecho dentro da India.
      Quanto ao guia, isso é muito relativo, se é para acompanhar vocês pela cidade ou viajar para outras, incluindo carro ou não.
      Ouvi dizer que alguns guias cobram até 100 dólares por dia, mas nos guias por algumas horas que eu contratei, nunca cheguei a pagar mais do que 50 dólares (incluindo carro). Paguei desde 20, 30, até 50 dólares o passeio, mas tudo variava conforme o lugar.
      A exceção foi em Ladakh, onde comprei um pacote de 3 dias com carro e motorista, para subir e descer montanhas, daí paguei pouco mais de 100 dólares por dia, fora os hotéis e as refeições para mim, não paguei para o guia (algumas vezes paguei almoço e lanches, mas foi porque eu quis, não era obrigada).
      Abraços,
      Ana

      Excluir
  22. Olá, gostei muito de tudo que li, estou indo para a Índia agora no dia 06/01 sozinha, mas com guia me aguardando no aeroporto, creio que vou fazer um viagem muito boa, estou muito ansiosa, porque conhecer esse país faz parte de um dos muitos sonhos que tenho de conhecer lugares pelo mundo. Depois dá Índia vou para o Nepal, tudo sozinha. Minha maior dúvida é o que levar na mala? Não gosto de viajar com muita mala, não sou consumista. Vou para o norte dá Índia, fiquei sabendo que é frio nessa época do ano, acho que essa vai ser a mala mais difícil que já fiz na vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marta, que maravilha, será a maior experiência da ssua vida. Uma viagem á Índia não é apenas uma viagem, é a viagem!
      Bom, se vc estará acompanhada de um guia, vai ser muito mais traquilo, porque ele conhece todas as manhas e "jeitinhos" indianos e você poupará stress.
      Conheço o norte da Índdia quase todo, desde Srinagar a Ladakh, Manali, Rishikesh, enfim, regiões montanhosas e de muito frio, inclusive no verão.
      É bom você levar o mínimo possível mesmo, porque muitas estações de trem não tem muita estrutura e sobre e desce escada puxando mala pesada não é nada fácil. E os voos internos permitem apenas 15kg de bagagem despachada.
      Sobre as roupas, se você encontrar na sua cidade, eu te indico a comprar aquelas roupas térmicas, que você usa junto ao corpo, daí não precisa se empacotar tanto, somente um blusão e um casaco conseguem segurar. Se você for para as montanhas com neve, além do casacão, coloque mais de uma roupa térmica por baixo, luvas, manta, gorro/touca, meias grossas e botas você estará bem protegida.
      Beijos e tenha uma viagem maravilhosa!
      Ana

      Excluir
  23. Olá voltamos, ANA vimos um video seu de trem de Amritsar x Delhi , estavas viajando num vagão de poltronas, como chama essa classe, pois em viagens diurnas achamos melhor que em cabine... abraços e ótimo 2017. milton e fatima rusch

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Milton e Fátima, que satisfação receber novos comentários de vocês.
      Estes vagões só com poltronas se chamam Seater.
      Para viagens diurnas eles realmente são os melhores. Os vagões com aqueles "beliches" se chama sleeper e só compensam em viagens noturnas mesmo.
      Um grande abraço,
      Ana

      Excluir
  24. Olá, Ana. Estou aqui para mais uma dúvida. O euro também é aceito na INDIA como o dolar pois tenho alguns euros... O que faço levo as duas moedas...Me oriente... abraços Milton e Fátima Rusch.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Milton e Fátima!
      Sim, vcs também podem trocar euros na Ásia. Todas as casa de cambio aceitam euros e dólares. moedas eu acho mais complicado, mas levem, vai que aceitem.
      Ah, quanto aos dólares, somente são aceitas notas emitidas de 2006 pra cá. Notas antigas de dólar não são aceitas na Ásia.
      Qualquer outra dúvida, não tenham receio de me perguntar.
      Beijos

      Excluir
    2. Eu escrevi Ásia, mas me referia a Índia. Mas as informações são válidas para os outros países asiáticos também.
      Beijos

      Excluir
  25. Querida me tire uma dúvida!me falaram com Índia e muito pobre ,mas nao vi isso nas suas fotos maravilhosas ! E tbem gostaria de saber qual diferença em Caximira p Srinagra ?? Obg bijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Smila, na verdade, a Índia é um país muito pobre sim, ou melhor, é um país de muitos contrastes. Tem muita pobreza, mas tem muito luxo também.
      Todo mundo faz questão de mostrar as misérias da Índia e como eu sei que muitas pessoas acabam desistindo de ir porque pensam que só vão ver miséria e sujeira, eu optei por mostrar um outro lado, com coisas e lugares muito bonitos também. Mas isso não exclui a pobreza, porém, mostra que também existe beleza!
      São maneiras diferentes de se mostrar um lugar! Eu prefiro valorizar o belo!
      Quanto à diferença entre Caxemira e Srinagar, é que a Caxemira é um Estado da Índia e Srinagar é uma cidade e também a capital de verão da Caxemira. No inverno a capital é Jammu & Kashmir.
      Se você tiver mais alguma dúvida, é só perguntar!
      Beijos,
      Ana

      Excluir
  26. Olá,Ana,olha eu aí outra vez.....hoje fiz o visto o E VISA, paguei e recebi um email me comunicando que em 72 horas irei receber uma comunicação sobre o visto.. será que estou certo, esse é o caminho... abraços Milton e Fatima Rusch

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milton e Fátima, tudo bem?
      Olha, nas duas vezes em que eu fui a Índia eu tirei o visto normal, que tem validade por 6 meses. O eVisa vale somente 30 dias e como eu fiquei mais do que isso, preferi o visto normal. Em termos de custo, acho que a diferença é pequena.
      O E-Visa é mais prático, você faz e paga pela internet e recebe ele na chegada, se não me engano. Mas infelizmente não posso te ajudar nesta dúvida porque eu não sei ao certo como funciona.
      Sobre o visto normal, tem um post aqui no blog onde eu explico direitinho.
      Mas eu sugiro que amanhã de manhã você ligue para o Consulado de São Paulo ou para a Embaixada em Brasília e eles te explicam corretamente como funciona.
      Abraços,
      Ana

      Excluir
  27. Olá Ana, preenchi o formulário no e- Visa Application, estou certo ou errado...abraços Milton Rusch

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milton, veja a minha resposta acima.
      Eu só sei como funciona o Visto normal de Turismo, que vale por 6 meses. Nunca tirei o e-Visa.
      Abraços,
      Ana

      Excluir
  28. Ana , muito obrigado Recebi o ETA hoje para estadia de 60 dias....abraços Milton Rusch.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Milton,
      Que ótimo, já está em vigor o eVisa para 60 dias. Anunciaram ainda no ano passado, mas não sabia se já estava valendo ou não.
      Quando vcs viajam?
      Abraços,
      Ana

      Excluir
  29. Ola Ana, iremos viajar 16.05. a 30.05. 2017.... manteremos contato. Preciso das suas valiosas informações... Abraços Milton e Fatima Rusch.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milton e Fátima,
      Em 2015 eu estava justamente neste período na Índia e cheguei a pegar 50 graus em Delhi. Faz muito calor mesmo.
      tualmente já está fazendo 41 Graus em Delhi. Bebam muita água e cuidado para jamais beber água da torneira. Eu só bebia água mineral da Marca Bisleri, é fácil de achar e é a mais confiável.Conheço gente que teve muita diarreia por conta da água e não propriamente pelos alimentos apimentados.
      Não aceitem limão e nem gelo na bebida. O limão pode não estar bem higienizado e o gelo certamente não é de água mineral.
      Abraços

      Excluir
    2. Milton e Fátima, para completar, em 25 de maio começa o Ramadan, então, muitos lugares ou serviços na Índia que envolvem muçulmanos, sofrerão algumas modificações em ralação ao período normal.
      Abraços,
      Ana

      Excluir
  30. Ana agradeço suas informações, uma dúvida...quando chegar lá posso comprar o bilhete do trem no balção de turismo do hotel para Amritsar....Milton Rusch abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milton, sim, qualquer agência de viagens vende bilhetes de trem. Inclusive vai ser mais fácil do que comprar direto na estação, que eu achei um tanto confuso.
      Estou vibrando com a viagem de vocês, depois me contem como foi!
      Um grande abraço,
      Ana

      Excluir
  31. Ola ANA , nossa viagem a INDIA foi maravilhosa, os indianos foram muito simpáticos conosco, viajamos de tren , onibus, tuk- tuk- taxi, sozinhos sem guia sem nada de problemas.Tua orientação foi de extrema valia para conosco.Gratidão a voce..MILTON E FATIMA RUSCH

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Milton, Fátima e Joice,
      Nossa, fiquei super feliz com o feedback de vocês, ainda mais que adoraram a Índia e que minhas dicas foram úteis. Mas quero dar os parabéns para vocês, pois a experiência de viagem que vocês já têm certamente lhes ajudou muito na Índia, pois lá tudo funciona de um jeito muito peculiar.
      Caso vocês queiram, me enviem uma foto de vocês lá na Índia que eu publico aqui no blog como incentivo às pessoas que querem viajar para lá, mas têm medo. Mas se vcs não querem expor a foto, não se preocupem, eu entendo, mas o feedback de vocês eu já vou publicar nas redes sociais.
      Meu email: faleconosco@viagensebeleza.com
      Um grande abraço e qual a próxima viagem?

      Excluir
  32. Boa noite ANA, a Joice está viagem mas quando retornar vai mandar fotos da nossa viagem. podes ver no meu FACE , lá já tem algumas fotos. Lembrando ANA, todas as informações sobre a INDIA partiram de voce, confesso que foram de extrema valia e digo sem medo de errar apesar de ser peculiar a INDIA não oferece perigo nenhum para nós ocidentais de qualquer idade . Recomendo muito...abraços MILTON E FATIMA RUSCH.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Milton e Fátima,
      Estou adorando ver as fotos da viagem de vocês na Índia, estão incríveis e me sinto orgulhosa de vocês! Estou pensando em publicar estes depoimentos de vocês e algumas fotos no Espaço do Leitor. Posso escolher algumas fotos no facebook, mas antes de publicá-las, eu mostro a vocês quais as fotos escolhidas para vocês aprovarem ou não. Acho importante isso, é um caso real, assim pode motivar outras pessoas a viajarem para a Índia. Existem cuidados a serem tomados, é claro, mas há também muito preconceito e medo exagerado sobre este fascinante país! Abraços

      Excluir
  33. Ana, te autorizamos a publicar fotos nossas sem nos consultar e ainda mais isso nos proporcionará uma profunda alegria e orgulho...estamos a dispor para te auxiliar numa eventual dúvida que possa interessar....abraços Milton e Fatima Rusch.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Milton e Fátima, que ótimo, fico muito feliz, pois a experiência de vocês pode também inspirar outros viajantes a conhecerem a Índia!
      Vou preparar um post bem legal, mas certamente vou precisar saber alguns detalhes sobre a viagem. Te mandarei mensagem inbox pelo facebook assim que o post tiver pronto.

      Tenho alguns posts já programados sobre Aparecida na semana que vem, mas em seguida quero finalizar sobre a Índia, então acho que vou aproveitar e publicar sobre a viagem de vocês na mesma sequência! Agradeço a confiança! Um grande abraço

      Excluir

Obrigada por comentar!
É bom demais receber o retorno dos leitores. Responderei o mais breve possível, então lembre-se de voltar aqui depois para ler a sua resposta.

*Você pode também marcar "Notifique-me", para ser avisado por e-mail quando o seu comentário for respondido.