O Jardim do Paraíso, no Mausoléu de Humayun!

O post anterior foi sobre o Humayun's Tomb, uma das mais antigas construções com a arquitetura mongol/persa da Índia e também o percursor dos Mausoléus Jardins no país. 
 
O interessante é que este Mausouléu serviu de inspiração para a construção do Taj Mahal, quase 100 anos depois.  
 
Como ficou um pouco extenso (post aqui), eu decidi escrever separado sobre o jardim e este é o assunto de hoje, juntamente com outras construções do Complexo Humayun's Tomb.

A foto acima eu fiz a partir de uma painel exposto no local, onde pode-se ver parte do jardim do Humayun's Tomb.

 Vista do jardim a partir da sacada/plataforma do Mausoléu

O Mausoléu possui um jardim dividido em quatro partes principais por passarelas de água corrente, criadas para se assemelharem ao Jardim do Paraíso, descrito no Alcorão. Por sua vez, estas quatro partes principais (calçadas) são separadas por canais em outras 36 partes.
 
Aqui podemos ver bem as divisões do Complexo e do jardim. 

O Jardim de Humayun é um exemplo geometricamente perfeito do gênero e simboliza o lugar do Imperador no Paraíso.

Caminho até a entrada oeste para o Complexo Humayun's Tomb

Portão de entrada oeste 

O complexo de Humayun's Tomb também abriga muitos outros edifícios proeminentes que são exemplos da arquitetura do período anterior e ter sucesso Humayun.

Entre eles estão:

 Bu Halima's Tomb e Jardim 

Para o visitante entrar no complexo Humayun's Tomb, primeiro entra em um outro jardim, conhecido como o Jardim de Bu Halima.


No entanto, a origem do nome não é conhecido e, pelo estilo do jardim, poderia ser datado aos primeiros mongóis na Índia. 

Mesquita e Túmulo de Isa Khan 
O túmulo e a Mesquita de Isa Khan está localizado ao sul do Jardim Bu Halima.

Entrada para o acesso à Mesquita de Isa Khan

Uma mesquita e uma tumba octogonal, construída no estilo Sur estão colocadas no complexo murado de Isa Khan.


Este é um outro Mausoléu, também com seu jardim, dentro do Complexo Humayun's Tomb.


Uma inscrição encontrada em uma laje de arenito vermelho indicou que o túmulo é de Masnad Ali Isa Khan, filho de Niyaz Aghwan, o camareiro-chefe do Imperador, e foi construído durante o reinado do Islã Shah, filho de Sher Shah Suri, em 1547-48.

Para entrar na mesquita foi necessário cobrir a cabeça e tirar os calçados

Teto da cúpula da mesquita

Sala com alguns sarcófagos

Não sei informar quem são os que estão enterrados aí, mas imagino que um dos sarcófagos de mármore dourado seja o de Isa Khan. 

Saindo da mesquita e calçando novamente os tênis

Mesquita Afsarwala e Afsarwala Tomb

A mesquita está localizada a sudoeste do portão principal do Mausoléu e a construção é datado entre 1560 e 1567. 


O túmulo está localizado ao lado da Mesquita Afsarwala e é um túmulo não identificado. Um dos sarcófagos de mármore dentro do túmulo tem a data de 1566-1567. 

Arab-Ki-Sarai

Portão de entrada para o Arab-Ki-Sarai

O Sarai foi construído por Haji Begum, a viúva de Humayun, em 1560-1561, para abrigar os trezentos sacerdotes árabes, que dizem terem sido trazidos com ela de sua peregrinação a Meca. 

Outra versão é que o prédio abrigava os trabalhadores persas e artesãos que estavam realmente engajadas na construção de túmulo do Humayun. O Sarai está localizado ao lado da mesquita Afsarwala. 

Complexo Humayun's Tomb é enorme e este post sobre o jardim do Mausouléu e algumas das construções também ficou um pouco extenso, mas são informações muito interessantes para serem desprezadas.



Este complexo e suas mesquitas foram residência pós-vida e seus moradores jamais passearam por aqui, mas a sensação que se tem é de estar nos jardins de um palácio, não entre túmulos. O lugar é muito bonito e transmite muita paz também. 


Eu iniciei o post com uma foto minha sentada no jardim e vou encerrar com outra, também sentada neste maravilhoso e super bem cuidado jardim. Depois de explorar todo o lugar, que é enorme, precisei descansar e repor as minhas energias. 

O que você achou, gostaria de passear e de descansar nos jardins de mausoléus?

Beijos,
Ana
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

4 comentários :

  1. Uauuu! Incrível! QUe fotos LINDAS!
    Perdi alguns posts aqui, vou já olhar tudo!

    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula, muito obrigada. Sim, tem muitos outros posts mara sobre a India!
      Beijos

      Excluir
  2. Ana, preciso dizer que você está fazendo eu me apaixonar pela arquitetura da Índia ?
    Amei!
    Beijinhos.
    Blog | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari, então prepare o seu coraçãozinho, pois quando você ver as fotos do Taj Mahal e do Agra Fort, a India entrara´definitivamente na sua lista de países para visitar!
      Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar!
É bom demais receber o retorno dos leitores. Responderei o mais breve possível, então lembre-se de voltar aqui depois para ler a sua resposta.

*Você pode também marcar "Notifique-me", para ser avisado por e-mail quando o seu comentário for respondido.