Saboreando um chá gourmet: Indian Yogi Tea!

O brasileiro, eterno viciado em cafezinho, de alguns anos pra cá, vem se interessando também por chás especiais e a prova disto é o crescente surgimento de diversas casas e lojas de chás, como a espanhola Tea Shop, uma loja especializada em vender os chamados "chás gourmets"


Em Porto Alegre, no Shopping Praia de Belas, tem uma  loja da Tea Shop e eu já entrei algumas vezes para dar uma olhadinha na enorme variedade de ervas e combinações de chás. O aroma de ervas dentro da loja já começa a ativar nossos sentidos.  Os chás têm as mais variadas procedências como China, Japão, Índia, Sri lanka, Taiwan, Quênia e África do Sul.

Loja Tea Shop no Praia de Belas Shopping

Na semana passada eu estava com mais tempo e entrei na Tea Shop para comprar um chá que eu já tinha visto em outra ocasião, o Indian Yogi.

Na Índia, principalmente na região de Sikkim e de Bengala Oeste, este tipo de loja é muito comum, mas aqui no Brasil não. Se não estou errada, o setor vem crescendo de uns 5 anos pra cá.

Indian Yogi Tea

O Indian Yogi é uma criação de iogues indianos, desenvolvida há milhares de anos, à partir de uma mistura de canela, cardamomo e gengibre, com um toque de cravo e pimenta preta. Esta infusão de ervas, inspirada em uma fórmula ayurvédica, além do sabor e aroma exótico, é revitalizante e altamente benéfica ao sistema nervoso e ajuda a tonificar e a limpar o organismo de toxinas. Não contém cafeína.


O que diz a Tea Shop: cultivado na Grécia e processado na Espanha, o Indian Yogi contém canela, gengibre, cravo e cardamomo, que são os ingredientes desta mescla YOGI usada originalmente para recuperar o “espírito” após uma sessão de Ioga. Tonificante e digestiva, pode-se infusionar no leite.

Características:
Cor: alaranjado.
Aroma: condimentado e picante.
Sabor: Condimentado, intenso e perfumado. 


Minha experiênciaescolhi testar o Indian Yogi, pois achei os ingredientes parecidos com os do tradicional Chai Indiano. Comprei 50g e paguei R$ 29,50. Os chás são pesados na hora e vendidos nas quantidades de 50g, 100g, 250g e 500g. Os preços variam de acordo com o tipo de chá escolhido. 

No adesivo de fechamento é colocado a data de compra e é informado que a validade é de 6 meses.

Preparo: colocar cerca de 2g para cada xícara de chá, com água a 95% e deixar em infusão por 8 a 10 minutos. Claro que o chá esfria depois, então eu esquento um pouco antes de servir.

Indian Yogi preparado com leite

Eu testei ele preparado com água e também acrescentando 1/3 de leite. O preparo com leite ficou muito bom, bem parecido com o chai indiano, mas o chá reparado apenas com água ficou bem mais saboroso. 

Porém, como me lembrou a leitora e também blogueira Star Kaur (Café com Chai), nas versões ocidentais dos chás indianos, o sabor da canela se sobressai bem mais que os outros ingredientes. No caso deste chá, o aroma e sabor do cravo também são bem destacados.

Preparo com leite: coloquei a água numa panela grande, acrescentei o Indian Yogy Tea e 1/3 de leite e levei ao fogo médio. Um pouco antes de ferver, desliguei e deixei em infusão por uns 10 minutos. Depois voltei a esquentar e coloquei a panela na mesa para cada um se servir na quantidade desejada. A mistura de ervas fica toda no fundo, nem é necessário coar. E o que cair na xícara é até bem gostoso de comer. Só o cravo que é bem picante.  

O que sobrou do "chai" que eu preparei com Indian Yogy.

Esta mistura ficou muito boa, mas confesso que é um pouco cara para se comprar com frequência. Os mesmos ingredientes comprados separados no Mercado Público saem bem mais baratos. A diferença de qualidade pode ser percebida neste chá preparado apenas com água, mas misturando com leite, ficou praticamente o mesmo sabor do outro chai que eu preparei com os ingredientes comprados no Mercado Público de Porto Alegre (post aqui).

Mas pretendo experimentar outros chás gourmets com ervas exóticas e depois conto aqui o que achei.

Você aprecia chás ou prefere cafezinho? Já conhecia os chamados "chás gourmets"?

Beijos,
Ana
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

4 comentários :

  1. O gosto da canela desse chá é muito forte? Eu tenho receio toda vez que vejo um chá indiano no estilo ocidental porque as pessoas forçam na canela achando que a principal característica do chai é a canela .
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Star, boa observação, o gosto da canela é um pouco acentuado sim, mas muito mais é o cravo. As outras especiarias ficam em segundo plano. O gosto do chai até ficou parecido com o que eu preparei comprando os ingredientes separados, mas realmente o cravo e a canela se sobressaem neste, principalmente em relação aos indianos de fato.
      Eu sabia que tinha algo que não fechava, você matou a charada, hahaha...
      Beijos

      Excluir
    2. Hahahahah!
      Obrigada pela informação!! O cravo eu gosto. Que bom saber que existem opções , mas ainda prefiro a receita que você postou aqui no blog!

      Beijos

      Excluir
    3. Eu também prefiro o meu chai com o mix by Mercado Público, é mais gostoso e bem mais barato!

      Excluir


Obrigada por comentar! É bom demais receber o retorno dos leitores.
Responderei o mais breve possível, então lembre-se de voltar aqui depois para ler a sua resposta.

*Você pode também marcar "Notifique-me", para ser avisado por e-mail quando o seu comentário for respondido.