Conheça um pouco do Meena Bazar, um mercado que fica na parte antiga de Delhi!

O Meena Bazar, também chamado de Chhatta Chowk Bazar, é um mercado que fica na região de Chandni Chowk, entre o Forte Vermelho (Red Fort) e a Mesquita Jama Masjid, na parte antiga de Delhi, a capital da Índia. Antigamente o Meena Bazar era conhecido como "Bazaar-i-Musaqqaf", que significa "Mercado com Telhado". 

Muitos escrevem também Bazaar, mas como na placa de entrada do mercado tinha apenas um "a", vou escrever assim por aqui.


Dizem que o Imperador Shah Jahan posicionou o Meena Bazar entre a entrada principal do Red Fort e da Mesquita Jama Masjid para exibir a riqueza crescente e a capacidade do Império Mughal, já que a quase totalidade dos comerciantes deste mercado são muçulmanos, a mesma religião do Imperador.


O Meena Bazar fica dentro da área do Chandni Chowk, ou Praça do Luar, que é um dos mercados mais antigos e mais movimentados em Old Delhi, na Índia. O Forte Vermelho (Red Fort) está localizado dentro do mercado, assim como a mesquita Jama Masjid.


Chandni Chowk, ou a Praça do Luar, foi construído em 1650 pelo Imperador Shah Jahan e projetado Princesa Jahanara Begum, sua filha favorita. O mercado era dividido por canais (agora fechados) com uma piscina ao centro, que refletia a o luar. A piscina foi substituída por uma torre de relógio (Ghantaghar) até a década de 1950, mas que hoje já não existe mais, embora o centro do mercado ainda seja chamado de Ghantaghar. Ainda hoje é um dos maiores mercados da Índia. É possível encontrar de tudo o que se imagina e até o que não se tem ideia que existe neste mercado.

Eu experimentei um suco (parecia ser de groselha) que os indianos adoram.

Eu não consegui visitar todo o Chandni Chowk porque ele é grande demais, mas passeei bastante pelo Meena Bazar, antes e depois da minha visita à Mesquita Jama Masjid. Fiz até um pequeno vídeo que vou postar na sequência deste.


Meena Bazar já perdeu suas formas originais, mas ao que parece, a sua construção foi originalmente feita com estuque (qualquer ornamento em que se utiliza esta argamassa) e pintado de dourado, para dar um efeito mais bonito. Suas bordas eram sustentadas por pedras e o espaço intermediário com estalactite (ornamento que simula favos de mel) em estuque, muito usado na na arte islâmica, tanto estrutural quanto ornamental.


O Meena Bazar tem muitas áreas agrupadas, como a área de tecidos e roupas, de acessórios, decoração, alimentos, etc. Grande parte das lojas é voltada ao mercado muçulmano mesmo, principalmente a de alimentos. A carne, seja de ovelha, cabra, frango, toda ela é preparada no sistema halal, ou seja, os animais são abatidos de acordo com o que determina o Corão, o Livro Sagrado dos muçulmanos (que seja sem sofrimento, com o corpo do animal voltado para Meca e várias  outras exigências).

Pedaços de frangos bem temperados e fritos

Também fotografei e gravei como eles preparam o tradicional frango frito.

 Este parece ser um doce, mas não experimentei!

Acima são massas e biscoitos.

Veja só como esta criancinha está à vontade no meu colo, hahaha... mas foi a mãezinha mesmo quem pediu que eu a segurasse.

Então este é um pedacinho do Meena Bazar, que, como expliquei, fica dentro do Chandni Chowk, um mercado ainda maior.


Já ia esquecendo de postar: comprei estas tâmaras secas no Meena Bazar. Paguei 100 rúpias (pouco mais de R$ 5,00) por 1/2 kg.

Espero que você tenha gostado de conhecer um pouco mais sobre os mercados de rua da Índia.
Beijos,
Ana
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigada por comentar!
É bom demais receber o retorno dos leitores. Responderei o mais breve possível, então lembre-se de voltar aqui depois para ler a sua resposta.

*Você pode também marcar "Notifique-me", para ser avisado por e-mail quando o seu comentário for respondido.