segunda-feira, 2 de abril de 2012

Óleo de coco, bom para os cabelos e também ajuda a emagrecer. Será?

Ultimamente se tem ouvido falar muito no óleo de coco. Será este o novo queridinho da vez para os cabelos? E ainda ajuda a emagrecer? Afinal, que óleo é este?


O óleo de coco não é nenhuma novidade, principalmente na área da alimentação, porém não é muito utilizado por nós (brasileiros), como os outros óleos vegetais. Até o leite de coco é mais popular. 

Os benefícios associados ao consumo do óleo de coco são reconhecidos pela medicina Ayurveda e valorizados na Índia há quase três mil anos. Em sânscrito, o coqueiro é chamado de “kalpa vriksha”, que significa “árvore que fornece tudo que é necessário para a vida”.

O óleo de coco é dividido em duas categorias: refinado e extra virgem. O óleo refinado é obtido do coco seco, chamado de copra. O óleo de coco extra virgem é obtido a partir do coco fresco, prensado a frio e sem ser submetido a nenhum processo de refinamento. 

Excelente aliado para a saúde 

Como podemos imaginar, o óleo de coco extra virgem é o mais saudável e é sobre este óleo que vamos conhecer um pouco de seus benefícios.

É rico em antioxidantes e apresenta uma série de benefícios para o nosso organismo, como prevenção de doenças cardiovasculares, reduz as taxas do mau colesterol, regula a função intestinal, fortalece a imunidade e além disso, auxília no emagrecimento.

O óleo do coco é livre de gordura trans e possui alto teor de ácidos graxos, idênticos aos encontrados no leite humano. 

O óleo de coco extra virgem possui sabor agradável e pode substituir o óleo de soja, canola, milho, oliva, etc, em saladas, doces e também em frituras, pois quando submetido a altas temperaturas, não perde suas características nutricionais, como o azeite de oliva, por exemplo. Pode ser adicionado também a sucos, vitaminas e iogurtes. Dica: experimente substituir a manteiga na pipoca pelo óleo de coco, bem mais saudável e muito saboroso também.

Se for consumido sem exageros, não há contra indicações.

Óleo de coco como auxiliar em dietas de emagrecimento


Mas se é gordura, como pode auxiliar no emagrecimento? O óleo de coco é um tipo de gordura que produz calor (é termogênico), que aumenta o gasto energético do organismo, favorece a queima de calorias e também promove maior saciedade.

De acordo com os pesquisadores, para as pessoas que desejam emagrecer, o óleo de coco é indicado em torno de 2 a 3 colheres de sopa por dia (cada colher possui cerca de 90 calorias). Mas é preciso muita atenção para não ingerir além do necessário para cada organismo, senão causará o efeito inverso, ou seja, vai engordar e sem contar que pode causar diarréia. O ideal é começar a consumir um pouquinho só por dia, tipo ½ colher e ir aumentando gradativamente. Para maior segurança, consultar um nutricionista que vai indicar a quantidade correta para cada pessoa.

A versão comestível é mais fácil de encontrar, até em supermercados. Eu já comprei e usei, é claro, tanto para “tentar” reduzir o apetite quanto para hidratar os cabelos. Ele realmente reduz um pouco a fome, só que é meio enjoado de engolir. Tem o gostinho do coco, mas também da gordura, por isso, trava na hora de engolir.

Quanto ao óleo de coco comercializado em cápsulas, não existe ainda nenhuma comprovação sobre sua eficiência, já que, para fazer o mesmo efeito que o óleo puro, uma pessoa precisaria ingerir cerca de 30 cápsulas por dia, o que ninguém se disporia a fazer, claro.

Óleo de coco para hidratar a pele e os cabelos

Ele é indicado especialmente para cabelos tingidos, quebradiços e ressecados. Mas não só isso, ele atua também como excelente hidratante, promove melhoras na elasticidade da pele, hidrata e amacia e é ideal para as áreas mais ásperas, como calcanhares e cotovelos. Pode ser usado também na gravidez, para prevenção de estrias.

Pesquisei bastante e não encontrei contra indicações sobre usar a versão comestível também para fins estéticos.

Eu gostei de usar o óleo “in natura” nos cabelos, só que deixa tudo engordurado mesmo. Não dá para usar como se usa o óleo de Argan e sair por aí. Tem que passar nos cabelos, principalmente nas pontas, deixar um pouco e depois lavar, senão já viu, né. Mas ele sai facilmente, depois de lavado, os cabelos ficam macios e sedosos.

Como estamos com a temperatura já baixando por aqui, o óleo se solidifica, fica todo branquinho e para usar, é bom aquecer um pouco no microondas. Depois de aberto, deve ser consumido em até 45 dias e não precisa de refrigeração.

Dicas de como usar: aplicar um pouco o óleo no cabelos seco, do meio até as pontas e deixar agir por uns 20min. Retirar com água morna, lavar o cabelo normalmente com shampoo e condicionador e por último, dar um jato de água fria, para ativar o brilho.

Outra opção, para quem não quer arriscar e passar o óleo puro nos cabelos, é misturar algumas gotinhas no creme ou máscara e aplicar nos cabelos depois do shampoo. Deixar uns 10 ou 15 min e depois enxaguar, sem esquecer de enxaguar por último com água fria.

Eu usei este óleo nos cabelos uma vez por semana somente.
O óleo que eu comprei foi o Óleo de Coco extra virgem Pazze, 200ml. Encontrei no Zaffari e o preço foi cerca de R$ 21,00.

Óleo de coco que as indianas usam nos cabelos

Que os cabelos das indianas são belíssimos, todo mundo sabe e também que a natureza foi generosa com elas, mas não é só isso, elas também cuidam, e muito, de seus cabelos.


As indianas usam o óleo de coco para hidratar os cabelos há anos e uma das marcas mais famosa é a Dabur Vatika. 

Existem várias versões desta marca, muitas inclusive, misturadas ao óleo mineral (derivado do petróleo), que não é muito legal para a nossa pele nem para nossos cabelos. Embora o óleo mineral seja muito utilizado nos produtos cosméticos em geral, eu procuro sempre evitar produtos que contenham este óleo, mas nem sempre consigo....

Já encomendei o meu Dabur Vatika, é claro e estou aguardando ansiosa a sua chegada. O que eu comprei, além de não conter óleo mineral, é acrescido de amla (variedade de groselha indiana), henna, limão e outras 5 ou 6 ervas. A amla fortalece a raiz capilar, a henna previne a oxidação e o limão ajuda a prevenir a caspa. 

Não sei onde pode ser encontrado o Óleo de Coco Dabur Vatika aqui no Brasil, mas em cidades em que há muitos imigrantes indianos, como Londres, acredito que seja encontrado com facilidade.

Tem também a venda no e-bay e em alguns blogs de brasileiras que vivem no exterior. O preço do óleo é baratinho, cerca de US$ 16,00 pelo pote de 300ml, porém o frete acaba saindo mais caro que isto.

Assim que eu usar, faço uma resenha sobre o produto e se for realmente bom, posso indicar a pessoa que me vendeu para quem estiver interessada em experimentar este produto.

Em tempo: este óleo não escurece o cabelo, como muitas podem pensar, devido a presença de amla e henna, pois a quantidade destes itens não é suficiente para alterar a coloração. Apenas intensificam o brilho das madeixas.

Beijos,
Ana

* Atualização em julho de 2013: gostei tanto deste óleo que às vezes consigo disponibilizar à venda na lojinha do blog. Visite, sempre tem novidades!

6 comentários:

  1. Está se falando mto do óleo de coco
    últimamente, eu quero comprar também para ver se é realmente bom,
    Tem sorteio lá no blog, espero a sua participação,
    beijinhos.

    http://www.descontraidas.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Pois é, agora o momento é do óleo de coco, hehehe. Eu só testei o comestível nos cabelos, o cosmético ainda não, mas assim que chegar minha encomenda eu testo.
      Já vi o sorteio em seu blog, muito legal! Assim que eu me inscrever no you tube, volto lá no blog para fazer minha inscrição no sorteio.
      Meu blog também completou 3 meses e tem sorteio aqui também. Já mandei recadinho para vcs, aguardo a participação também. Bjs

      Excluir
  2. Oi, Ana, obrigada pela visita e pelo comentário ^^
    Tbm só recebi amostras quando assinei Glossy Premium! Morro de raiva dessa empresa picareta hahahaha.
    Na primeira Glam também tive problemas com a demora da entrega, mas aparentemente foi culpa da transportadora. Olha, eu estava com medo deles decaírem, mas a segunda caixa me surpreendeu. Espero que fique assim, tô gostando!

    Acho engraçado esse BOOM do óleo de coco, pois meu pai já usa há muuuuitos anos! Eu já sabia desse monte de benefícios antigamente, mas não consegui incorporar o óleo de coco na alimentação, era muito nova e muito menos regrada do que sou atualmente (quem lê até acha que eu sou super disciplinada, hein! hahahah). Quem sabe agora eu não tomo jeito, né? :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda, obrigada também pela sua visita e pela sua inscrição no sorteio. Boa sorte! Sobre a Glossy, picaretagem mesmo, sem falar no lenço com prazo de validade vencido... Assinei só uma e cancelei mesmo antes de recebê-la, de tanta reclamação que li.
      Recebi ontem a minha Glam, o atraso foi mesmo da transportadora. Adorei, veio bem gordinha, com os ítens de fevereiro junto. Só não veio aquela máscara anti-age C (foram só 200 as privilegiadas), mas gostei muito, a princípio, vou continuar. Até vou escrever um post sobre essas boxes, pois tenho mutas leitoras que não são blogueiras e não sabem da existência destas.
      Sobre o óleo de coco, é receita antiga sim, mas foi "redescoberta" agora, hehehe. Bjs

      Excluir
  3. Comprei o Óleo de Coco da Copra,em uma loja de produtos naturais.Por indicação de uma amiga,estou fazendo umectação nos cabelos a cada 15 dias,estou adorando!
    Esse é comestível também ;)
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Patrícia!
      Quando eu escrevi este post, eu estava comendo o óleo de coco (emagreci 2 kg na ocasião) também passando o mesmo nos cabelos. Semanas depois eu recebi o Dabur Vatika, que é de uso exclusivamente cosmético e até hoje estou usando este nos cabelos. O resultado final é bem parecido com o óleo comestível. Ah, parei de comer porque enjoei, tava difícil de fazer descer, travava mesmo. Mas bem que estou precisando emagrecer mais uns 2 ou 3 quilinhos...
      Bjs

      Excluir

Obrigada por comentar!
É bom demais receber retorno dos leitores. Responderei o mais breve possível, então lembre-se de voltar aqui depois para ler a sua resposta.

Você pode também marcar "Notifique-me" para ser avisado por e-mail quando seu comentário for respondido.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...